A Conexão entre o Penhor e o Espírito Santo

Tempo de leitura: 3 minutos

A Conexão entre o Penhor e o Espírito Santo

“O qual é o penhor da nossa herança, para redenção da possessão de Deus, para louvor da sua glória.”  Ef. 1:14

A Conexão entre o Penhor e o Espírito Santo

O penhor é uma garantia que o pagamento integral será feito. É um objeto valioso que se dá em segurança de uma dívida. Ou seja, é um contrato pelo qual um credor recebe um objeto valioso como garantia e segurança de que o acordo será cumprido.

A Palavra de Deus indica o penhor como um símbolo do Espírito Santo em três ocasiões. Assim, o Espírito Santo é a garantia mais valiosa que Deus ofereceu à sua igreja para assegura ao seu povo o cumprimento integral de todas as promessas referentes à nossa salvação eterna. Vejamos:

Preparando Obreiros Para a Obra do Senhor

A Importância do Penhor nas Escrituras

Paulo afirma que Deus nos confirmou pelo selo e penhor do Espírito em nosso coração (2Co 1:21-22 “Mas o que nos confirma convosco em Cristo e o que nos ungiu é Deus, o qual também nos selou e deu o penhor do Espírito em nossos corações”). Isto significa que Deus confirmou a nossa vitória dando-nos o seu Espírito como uma garantia segura e real.

Paulo afirma que o Espírito Santo é o penhor da nossa herança até o resgate da sua propriedade (Ef. 1.13-14 ”em quem também vós estais, depois que ouvistes a palavra da verdade, o evangelho da vossa salvação; e tendo nele também crido, fostes selados com o Espírito Santo da promessa; o qual é o penhor da nossa herança, para redenção da possessão de Deus, para louvor da sua glória”). Isto significa que o Espírito Santo da promessa é a maior garantia de que Deus cumprirá integralmente todas as promessas feitas à sua igreja.

O Espírito Santo é o Penhor da Igreja

Paulo afirma que foi o próprio Deus quem nos preparou para isto outorgando-nos o penhor do Espírito (2 Co 5:5 “Ora, quem para isso mesmo nos preparou foi Deus, o qual nos deus também o penhor do Espírito.).

Deus já havia “penhorado” seu precioso Filho na redenção da humanidade (Jo 3:16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.); agora, nos outorgou o penhor do Espírito como garantia de que o nosso resgate será completado por ocasião da vinda do Senhor.

Deus ofereceu o seu Unigênito Filho como o mais valioso tesouro para salvar a humanidade na cruz do Calvário; depois, enviou o Espírito Santo como o penhor mais valioso do Universo em garantia de nossa redenção eterna (Hb 9:14 “quanto mais o sangue de Cristo, que, pelo Espírito eterno, se ofereceu a si mesmo imaculado a Deus, purificará a vossa consciência das obras mortas, para servirdes ao Deus vivo?”).

Em Rm 8:16, a Bíblia afirma: “O mesmo Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus.” Quando o próprio Espírito Santo testifica que somos filhos de Deus, ele está nos assegurando como membro da família de Deus! Pode haver garantia maior do que esta?

Como “penhor da igreja”, o Espírito Santo é o fiador garantidor de todas as cláusulas da nossa redenção. Ele é o seguro perfeito da Igreja! Na qualidade de fiador da herança espiritual da Igreja, o Espírito Santo chega a ter zelo e ciúme do seu povo (Tg 4:5 “Ou cuidais vós que em vão diz a Escritura: O Espírito que em nós habita tem ciúmes?”)

Conclusão

O Espírito Santo é a garantia mais valiosa que o Pai ofereceu para assegurar todos os privilégios estabelecidos na Nova Aliança. O Espírito Santo é o nosso “seguro de fiança”. Ele é o nosso garantidor. Ele é a nossa garantia maior!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *